image
Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque. Perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusa.
Recent Posts
Search
 

Blog

Remoção de Tatuagens

Você sabia que 50% ou mais das pessoas que fazem uma tatuagem desejam removê-la em algum momento da vida?

Pois bem, vamos esclarecer algumas dúvidas mais comuns sobre o assunto durante esta semana.

Como funciona o laser?

O laser considerado mais seguro e eficaz é o chamado Q-Switched. Um feixe de luz de alta intensidade é liberado pelo aparelho e absorvido pelo pigmento da tatuagem.
O mecanismo é como se fosse uma explosão. Ao absorver a luz, o pigmento explode em múltiplos fragmentos que serão eliminados da pele pelo sistema imunológico ao longo das semanas seguintes.

O feixe de luz é produzido em tempo extremamente curto, para que o calor não queime ou prejudique a pele.

O laser é usado também para remoção de micropigmentação de sobrancelhas e para clareamento de uma tatuagem que será coberta.

Com a tatuagem antiga mais clara você poderá escolher entre maior gama de opções de desenhos e a cobertura ficará mais bonita.

A aplicação é dolorosa?

Sim, porém o médico poderá usar anestésico tópico (creme) e em alguns casos, pode injetar anestesia.

Quanto tempo leva para a remoção?

O número de sessões costuma variar muito (média de 6 a 13 sessões) conforme alguns fatores:

  • Qualidade da tinta usada para fazer o desenho: existem tintas que demoram mais, outras que são mais rápidas. E isso não pode ser percebido apenas olhando. Na primeira ou segunda sessão é que vemos a resposta da tinta ao laser.
  • Cor da tatuagem: coloridas e cores claras são um desafio para os dermatologistas.
  • Cor da pele do paciente: quanto mais escuro o tom de pele mais demorado e difícil será a remoção.
  • Tamanho do desenho.

O intervalo entre as sessões é de um mês.

Existe algum efeito colateral?

Sim. Hipopigmentação (branqueamento da pele) pode ocorrer principalmente em pacientes de pele mais escura ou bronzeada. Normalmente a tonalidade da pele retorna dentro de 6 a 12 meses após a sua última sessão.

Em menos de 3% dos casos, o laser pode provocar alguma cicatriz ou alteração de textura na pele.

Devemos ter maior cuidado com as cores vermelho e marrom. Se for utilizado o óxido de ferro como pigmento, muito comum em pigmentações de sobrancelhas, ele pode escurecer, tornando-se negro após o uso do laser. Isso ocorre durante as primeiras sessões, depois vai gradualmente clareando.

Dor leve, coceira e crostas são comuns e o dermatologista irá orientar os cuidados corretos.